Carrinho

8 de março, Dia Internacional da Mulher. Data para lembrar as conquistas sociais, econômicas e políticas das mulheres, mas também de reforçar a luta feminina.

Mesmo com tanto progresso, ser mulher na sociedade ainda é um desafio. Sair do padrão do que é imposto e enfrentar o mundo com determinação não é tarefa mais fácil, e para isso o primeiro passo é enaltecer o amor próprio.

Cuidar da saúde

Nós mulheres estamos sujeitas a diversas doenças, como o câncer de mama. Por isso é tão importante sempre manter uma alimentação balanceada e fazer visitas ao médico com frequência.

Por ser mulher sempre estamos sofrendo pressões da sociedade com peso, características físicas e comportamento, e, infelizmente, muitas mulheres que não atingem esses padrões ficam mal a ponto de ter doenças como a depressão. Dessa forma, é muito importante cuidar da mente, seja lendo (como já falamos anteriormente), evitando o uso excessivo de redes sociais, buscando aceitação e melhorando a autoconfiança.

Treinar a autoconfiança

Seguir esses passos ajudam você a melhor a sua autoconfiança e autoestima:

– Não fazer comparações. Você é uma pessoa única e com uma beleza que é só sua.

– Evitar pensamentos negativos e incentivar lembranças positivas, como elogios no seu trabalho ou conquistas que alcançou por mérito próprio.

–  Não se deixar intimidar. Mostre postura sempre e acredite em que você é.

Fazer Spa Day

Cuidar do corpo também é uma forma de aceitação e amor próprio. Coloque uma música tranquila e faça algo que te faz bem como esfoliar o rosto, cuidar das unhas, hidratar o cabelo, etc.

Lembrando que você deve se cuidar para si mesma e porque isso te faz bem, e não apenas para agradar outras pessoas. Quando isso é feito para o bem próprio, sem exageros ou influência externa, você consegue se sentir plena e bem consigo mesma.

Ler

A leitura é o meio mais eficiente de adquirir conhecimento. Busque livros escritos por mulheres que tratem da temática da mulher na sociedade. Esse tipo de leitura traz à tona problemas que muitas vezes são vistos como naturais e aceitados por nós mulheres, quando não eram para ser assim.

Se você não sabe por onde começar, pode tentar a tetralogia da autora Elena Ferrante, que trata da busca da identidade em ser mulher e a justiça social; ou se preferir algo mais próximo da realidade, o livro “Mulheres, Raça e Classe”, da Angela Davis, narra principalmente a dificuldade em ser mulher e negra em um mundo ainda racista e patriarcal.

Sair e viajar sozinha

Você deve ser a sua melhor companhia! Pegue uma taça de vinho e coloque algum filme ou viaje para um lugar que você sempre quis conhecer. Faça isso sozinha para relembrar que a pessoa que você mais precisa é de você mesma.

Tire esse medo da solidão e desfrute mais da sua companhia!

E aí, como tem andado o seu amor próprio?

 

Continue Reading

Em breve, as folhas começam a cair anunciando a chegada do outono. Está chegando a hora de deixar o biquíni de lado e apostar no casaquinho para os dias mais frios… e trocar a sua coleção de esmaltes. Já no clima da nova estação, vamos falar sobre 5 cores de esmalte outono 2018 que vão bombar!

Vermelho Aberto

O vermelho nunca sai da moda! Em qualquer estação essa cor faz presença, mas tem uma queda especial com as épocas mais frias do ano.

Com o lançamento do esmalte Rouge, da marca Dior, o vermelho aberto ficará ainda mais em alta nesse outono. O melhor é que essa cor é facilmente encontrada e combina com diversos tipos de roupas.

Vinho Rubi

Se estava com saudade de usar o vinho rubi no verão, ele vem com tudo no outono. Depois do vermelho aberto, será uma das cores favoritas para a estação.

Dê preferência para esmaltes cremosos, que deixam o efeito dessa cor mais viva e bonita. Para deixar a unha mais moderna, você pode deixá-la no formato stiletto.

Marrom Acinzentado

Na gringa, essa cor é uma das mais pedidas nos salões de beleza e mais procuradas nas perfumarias.

O marrom acinzentado fica bem com qualquer tipo de acabamento, até mesmo com brilhos e metalizado.

Cinza Metalizado

A cor cinza chega nada básica para o outono com o efeito metalizado. Para não ficar algo tão apagado, o metalizado (e até se quiser usar o brilho) deixa a esmaltação mais vibrante.

Para dar um toque diferente, você pode fazer uma francesinha com o cinza metalizado e usar o preto para as pontinhas das unhas.

Azul Fosco

Apesar de ser uma cor bem verão, o azul fosco esteve presente nas unhas de modelos e influenciadoras nos últimos desfiles outono/inverno.

Transitando com outros tons do azul, você pode tentar fazer algumas formas geométricas que são tendência para esse ano também.

Quais dessas cores de esmalte outono 2018 você gostou mais?

Continue Reading

Você já deve ter ouvido alguém falar que tirar as cutículas é um hábito ruim. Mas será que é mesmo?

Retirar as cutículas é costume comum entre as brasileiras. Muitas preferem ficar sem essa camada protetora por questão estética, já que a cutícula pode atrapalhar na hora de esmaltar. Em outros países, as mulheres optam em hidratar as cutículas para não crescerem tanto e ficarem mais finas. Nenhuma opção é errada.

Tirar as cutículas faz realmente mal?

Tirar as cutículas é uma necessidade totalmente estética, mas não tem problema em retirá-las se isso te incomoda. Você só precisa fazer do jeito certo, ou seja, tirar a parte da cutícula sem cutucar profundamente. Outra questão é sempre optar por alicates de cutículas de qualidade e sempre lembrar de higienizá-los.

Quando a cutícula é retirada sem causar machucados e incômodos, você pode fazer sempre que achar necessário.

Aqui no blog já demos algumas dicas de como você pode tirar as cutículas facilmente e evitar qualquer machucado.

As cutículas quando retiradas crescem mais rápido?

Totalmente um mito! Quem retira toda a semana fica com a impressão que a cutícula cresce mais rápido, mas ela cresce com a mesma frequência. A cutícula tem um limite para crescer.

E quem não quer tirar a cutícula, o que faz?

Uma dica é usar a lixa polidora, ela ajuda a eliminar o excesso de cutícula sem arrancá-la.

Outra coisa é passar hidratante nas mãos diariamente e usar aqueles óleos específicos para diminuir o volume de cutículas nas unhas.

E você, prefere tirar ou não tirar as cutículas? Vamos ver qual lado vence!

Continue Reading

Além de manter as mãos bonitas e saudáveis, você também deve se preocupar com os seus pés. Para evitar amarelamentos e ressecamentos é importante fazer as unhas dos pés semanalmente. Sempre te ajudando, a Merheje selecionou algumas dicas para facilitar essa tarefinha!

Aproveite o chuveiro para amolecer as unhas dos pés

Antes de começar a fazer as unhas dos pés, tome um banho. Isso mesmo, a água morna e corrente do chuveiro ajuda a amolecer as unhas, facilitando o momento de cortar, lixar e até de remover as cutículas (vamos falar mais disso em outro tópico).

Esfoliação e hidratação

Existe alguns esfoliantes e hidratantes próprios para os pés, invista nesses produtos. Sempre que decidir fazer as unhas dos pés, massageie a região com o esfoliante, enxague e passe o hidratante para evitar o ressecamento.

Todo esse processo ajuda a não deixar que as suas unhas fiquem duras, além de deixar os pés mais macios e bonitos.

Hora de cortar as unhas e retirar as cutículas.

Não quer furar a meia, não é? Então corte sempre as suas unhas. Lixe no formato quadrado e deixe elas curtas na medida certa.

Como as cutículas já estarão amolecidas por causa dos cuidados anteriores, é só seguir os passos que já ensinamos aqui de como retirá-las.

 Passe base e esmalte

A base fortalecedora ajuda a manter as suas unhas fortes e saudáveis. Para deixar os seus pés bonitinhos passe um esmalte dar cor que desejar e use algum finalizador. A região das unhas dos pés tende a borrar com mais facilidade.

Essas dicas foram úteis? Ficou mais fácil fazer as unhas dos pés em casa?

 

Continue Reading

Quem nunca passou por aquele temido momento de tirar o excesso de esmalte? Você consegue esmaltar perfeitamente, mas na hora de limpar acaba borrando. Para você não ter mais esse dilema na sua vida, trouxemos algumas dicas para você aprender a limpar as unhas sem borrar.

Fazer as unhas não é a tarefa mais fácil do mundo, mas não custa aprender alguns truques para otimizar o processo, não é mesmo?

Mantenha as unhas hidratadas

Hidratação é algo essencial para manter sempre as suas mãos e pés macios, livres de ressecamento, e é uma forma de prevenir o envelhecimento. Fora esses benefícios, o hidratante ajuda na hora de tirar o excesso de esmalte.

Quando você passa o creme hidratante nas mãos antes de esmaltar, é criada uma película protetora na pele que não deixa que o esmalte grude. Assim fica mais fácil você retirar o excesso de esmalte e com menos chances de borrar.

Limpe os cantinhos assim que esmaltar

Assim que você esmaltar uma unha, você já pode tirar o excesso ao redor. Isso não deixa que o esmalte seque, facilitando a limpeza.

A dica é você fazer essa limpeza antes mesmo de passar a segunda mão de esmalte. A tinta do esmalte seca muito rápido, então quanto antes você retirar o excesso melhor.

Vaselina é a solução

Essa é uma solução parecida com hidratante, mas você não pode passar em toda a mão. Aplique a vaselina ao redor das unhas com a ajuda de um palitinho, mas limpe qualquer resíduo que ficar na unha, se não o seu esmalte não vai fixar onde deve.

Dica extra para usar os palitinhos

A primeira dica é molhar o palito antes de pegar o algodão. Se você não fizer isso, corre o risco de acidentalmente grudar fiapos de algodão na sua unha já esmaltada.

Outra coisa é o tamanho do algodão. Você precisa de bem pouco de algodão, um filetinho, quase nada mesmo. Se colocar muito, pode acontecer do palitinho escorregar para a unha e já dá para imaginar a meleca que vai fazer.

Curtiu essas dicas para aprender a limpar as unhas sem borrar? Qual outro tema vocês querem ver no blog?

Continue Reading

Diferente do que muitas pessoas pensam, a podologia não serve apenas para deixar os pés bonitos. Esse trabalho tem como função cuidar da saúde dos pés e solucionar incômodos como calos, unhas encravadas, micose, etc. Se você decidiu seguir por essa profissão, fique atenta a algumas coisas que toda podóloga deve saber.

Podóloga não é pedicure

Existe uma afirmação errônea que “podóloga é tipo uma pedicure que oferece alguns serviços a mais”. Quem tem formação como pedicure sabe cuidar esteticamente dos pés, apenas quem cursa podologia entende de fato a resolver problemas que vão além da estética. Pense na podóloga como uma médica para os pés.

Acontece muito de algumas podólogas também oferecerem o serviço de pedicure. Agora a pedicure que não tem formação em podologia nunca deve tentar oferecer algo que não tem o domínio necessário.

 Precisa estar preparada para tudo

Além de coisas comuns como unha encravada e calo, a podóloga deve estar preparada para situações um pouco desconfortáveis. Algumas pessoas têm micose, verrugas plantares e outros problemas que podem até ser causados pela diabete.

Ajudar a identificar doenças

Unhas amareladas, pés inchados, entre outros aspectos podem indicar doenças. A podóloga deve estudar muito essa parte para diagnosticar pessoas e ajudá-las a recorrer ao médico o quanto antes. Acontece muito de alguém descobrir que tem diabete por conta da podologia.

Produtos por categoria

Na podologia se usa o termo artigo para produtos. Assim consegue saber quais devem ser usados em cada procedimento. Fora isso, fica mais fácil saber quais podem ser descartáveis e quais podem ser conservados.

Por exemplo, o bisturi é do tipo artigo crítico. Isso significa que ele entra em contato com o tecido estéril. Mesmo higienizado, a recomendação é usar sempre um bisturi novo para cada paciente.

Podóloga também ajuda a prevenir

Mesmo que alguém vá até você com o pé totalmente saudável, você pode aplicar procedimentos de prevenção. Higienização, lixamento das unhas e outras coisas que podem prevenir incômodos.

Você segue essas recomendações? Conte mais como é o seu trabalho com podologia!

Continue Reading

A sobrancelha pode valorizar o rosto quando é feita do jeito certo. O problema é que muitas pessoas acabam tirando pelos a mais e deixando falhas. Normalmente, isso acontece quando é usada a cera, o produto acaba arrancando mais do que deveria. Por isso, vamos ensinar como tirar as sobrancelhas com pinça e te ajudar a não cometer mais esses erros.

O método com pinça pode até levar mais tempo, mas retira cada pelo com mais precisão. Fora, que usar demais a cera deixa a região da pele mais escura e ressecada.

Como tirar as sobrancelhas com pinça?

Sabe aqueles dias que você está sem tempo de ir no salão? Essas dicas vão ser úteis para você manter as suas sobrancelhas perfeitas em casa:

Lugar claro: prefira tirar durante o dia para aproveitar a luz natural. Use um espelho bem grande e que você consiga visualizar os pelos.

Higienize a pinça: mesmo que só você use a pinça, é bom sempre fazer uma higienização antes de começar.

Rosto limpo: a recomendação antes de tirar a sobrancelha é estar com o rosto muito limpo. Até vale fazer uma esfoliação, isso ajuda os pelos saírem com facilidade e sem encravarem.

Meça o rosto: existe algumas réguas próprias para medir a sobrancelha, mas caso você não tiver não tem problema. Pegue um lápis de olho (preferência branco) e faça uma risca entre a ponta do nariz até chegar próximo do inicio da sobrancelha. Para determinar o arqueado, coloque o lápis em diagonal da ponta do nariz até a lateral de fora da íris. Já no fim da sobrancelha, marque a lateral do nariz até o canto externo dos olhos. Se caso tiver espaços vagos nas marcações, é sinal que você precisa deixar pelos crescerem.

Tire com calma: agora que você já sabe quais são os pelos a mais, tire um por um com muita calma. Se sentir muita dor, você pode tentar usar pomadas analgésicas.

Respeite o formato natural: mesmo que você queira um formato diferente, é melhor seguir o seu natural. Muitos formatos podem não combinar com seu rosto. Se quiser fazer algo diferente, é melhor procurar uma profissional.

Gostou dessas dicas de como tirar a sobrancelha com pinça? Achou fácil? Tem alguma outra dúvida? Deixe seu comentário, que a gente responde!

 

 

Continue Reading

Entre tantos estilos, as unhas no formato quadrado são as mais queridas entre as mulheres. A unha fica mais bonita e sofisticada, além de ser bem fácil de fazer em casa. Não precisa ir ao salão para conseguir o resultado perfeito!

Se você sente alguma dificuldade quando tenta lixar as unhas nesse estilo, segue essas dicas!

A posição correta para lixar as unhas

Não há segredo para se posicionar para lixar as unhas no formato quadrado. Você pode preferir colocar as costas da mão virada para o rosto ou apoiar em algum lugar plano. É bem simples, diferente do formato Stiletto, que exige mais complexidade no jeito que você se posiciona na hora de lixar.

Movimento para lixar as unhas no formato quadrado

Basicamente, você só precisa fazer movimentos retos com a lixa para alcançar o resultado. Comece pelo topo da unha e depois lixe até a metade da lateral.

Quando terminar de deixar tudo reto, você pode dar uma incrementada lixando as pontas das laterais em movimentos diagonais, bem de leve. Isso ajuda a evitar que elas quebrem ou arranhem as coisas.

Dificuldade em alcançar esse formato

Quem quiser pode ter unhas no formato quadrado, porém as mulheres que possuem unhas finas ou fragilizadas têm mais dificuldade para conseguir esse estilo. A dica é cuidar bastante das suas unhas, usando produtos para fortalecimento e mantendo uma alimentação saudável.

Para você saber mais sobre fortalecimento, dá uma olhadinha no nosso outro artigo “Como fortalecer as unhas”. Lá a gente explica mais como os alimentos contribuem para deixar as unhas saudáveis e bonitas.

Continue Reading

Quem não gosta de passar um tempinho na praia para relaxar? Todas amamos! Porém, como nada é perfeito, a areia, o protetor solar, o sal do mar e o próprio clima são inimigos das unhas perfeitas. Para evitar esses problemas, mantenha esses cuidados com as unhas na praia!

Unhas amareladas

Problema: Praia requer muito protetor solar e hidratante. Apesar desses produtos serem benéficos para a sua pele, eles têm composições que deixam as unhas amareladas.

Solução: Após aplicar o protetor solar ou hidratante, lave as mãos.

Chega de quebrar

Problema: A areia e a água salina deixam as unhas mais quebradiças.

Solução: Nesse caso, não se desespere e saia roendo as unhas. Se quebrar, lixe e deixe ela no formato certo.

Lascou

Problema: Mais uma vez a água do mar é vilã. O esmalte pode lascar devido ao excesso na água. Isso vale também para quem vai para a piscina.

Solução: Leve o esmalte que você passou na mala. Assim, se caso lascar você pode retocar, sem perder toda a pintura. A dica também é investir nas cores mais escuras de esmalte, pois elas demoram mais para desbotar.

Sem fraqueza

Problema: Basicamente tudo que envolve praia deixa a unha fraca.

Solução: Primeiro passo é sempre manter aquela alimentação saudável e outros cuidados que já falamos aqui (isso serve para o ano inteiro). Outra dica é levar base ou óleo fortalecedor e cremes específicos para reforçar o fortalecimento.

Micose não dá

Problema: Você já deve ter ouvido falar que a areia dá micose? Sinto informar, mas é verdade.

Solução: Claro que não dá para ficar andando de chinelo na praia, mas use sempre que puder. Fora isso, passe um lisorfomio spray nas cutículas. Esse produtinho evita que você pegue micose.

Pés ásperos

Problema: Não tem como não pisar na areia, então provavelmente os seus pés vão ficar mais ásperos.

Solução: Todos os dias passe creme hidratante nos pés, assim você os mantém lisinhos.

Agora é só pegar a estrada e aproveitar a viagem 😎! Qual é o seu destino?

Continue Reading

Muita gente tem dúvidas de como fortalecer as unhas. Quem nunca passou por aquela situação chata de quebrar a unha? Pensando nisso, separamos algumas dicas úteis para evitar o enfraquecimento das unhas. Confira agora!

Como fortalecer as unhas comendo melhor?

O primeiro passo para não ter as unhas fracas e quebradiças é cuidando da sua alimentação.

Consuma mais alimentos com Ferro, Vitamina B5, Cálcio e Proteína. A dica também é procurar um especialista e verificar se você não está com algum problema de saúde. Anemia, má circulação sanguínea e hipotireoidismo causam a diminuição desses nutrientes e podem ser os responsáveis por esse enfraquecimento nas unhas.

Se você quiser saber mais sobre esses alimentos ricos em nutrientes, leia o nosso outro artigo “Descubra quais alimentos ajudam a fortalecer as unhas”.

Usar luvar para fazer serviços domésticos

Detergente, sabão líquido, desinfetante e outros produtos químicos prejudicam a saúde das suas unhas. Sempre que for realizar algum serviço doméstico, use luvas.

Dê preferência para as luvas mais reforçadas, em vez daquelas descartáveis simples. Essas não duram e podem rasgar no momento que você estiver limpando alguma coisa.

Não utilizar removedores a base de acetona

Apesar da acetona ser a preferida para retirar esmaltes, ela é um componente químico e pode acelerar o enfraquecimento das unhas.

Procure removedores que não sejam a base de acetona e que possuam agentes mais naturais. Alguns têm ingredientes que até ajudam no fortalecimento das unhas.

Fazer a unha com frequência

Tire uma horinha durante a semana para cuidar das suas unhas. Limpe, lixe e retire as cutículas. Deixe as unhas dos pés na água quente para amolecerem e você conseguir cortá-las.

Não use esmalte toda semana, alterne. A composição do esmalte pode danificar a sua unha, se você usar com muita frequência. Procure também por esmaltes mais naturais.

Aplicar bases fortalecedoras

Diminua o uso de esmaltes, mas não deixe as unhas sem base. Ela possui vitaminas e minerais que ajudam a deixar as unhas mais fortes e resistentes.

Investir nos cremes de mãos

Além de evitar o envelhecimento precoce das mãos, os cremes são ótimos para deixar a unha hidratada. Você também pode pesquisar por cremes que são específicos para as unhas.

Continue Reading